in

Protesto para congresso dos EUA

Os Estados unidos estão no alvo do mundo novamente o presidente Donald Trup organizou uma manifestação Contra fraldes supostas na eleição.

PUBLICIDADE

Muito esta se perguntando pois as policias estavam longe e a policia do capitolio tinha que fazer uma barricada proteger os senadores.

Segundo fontes alguns Manifestantes invadiram o prédio do Congresso americano, eles romperam as barricadas de segurança em um momento tao importante onde seria feita a validação da Eleição presidencial americana.

Essa eleição validaria que o Joe Biden à Presidência do país. 

PUBLICIDADE

O Senado e a Câmara, estavam avaliando as objeções à vitória do democrata, interromperam o debate de forma abrupta e inesperada.

O Presidente anteriormente havia feito um grande discurso de aproximadamente 3 horas para a praça do obelisco ponto cultural dos presidentes fazerem seus Discursos.

PUBLICIDADE

Ao Discursar o ex-Presidente Donald Trump voltou a falar que ele havia ganhado a eleição.

“Você não cede quando há roubo envolvido”, disse ele. “Nosso país está farto e não vamos aguentar mais”, acrescentou.

foto

— Donal trump

Fontes afirmam que o vice ex-presidente maike Pense, que presidia a sessão conjunta e responsável por receber e confirmar

“Dada a controvérsia das eleições neste ano, alguns acreditam que, como vice-presidente, é meu papel contestar os votos. Outros acreditam que os votos eleitorais nunca devem ser contestados em uma sessão conjunta do Congresso. Após uma análise cuidadosa da nossa Constituição, nossas leis e nossa história. Acredito que nenhuma das visões está correta”, afirma o documento.

Pence afirmou que é papel dos representantes eleitos (deputados e senadores) revisar e decidir disputas que contestem o resultado eleitoral, e que “nunca na história um vice-presidente usou de tal autoridade [a validação ou invalidação de votos].”

O republicano afirmou ainda que ouvirá as objeções e argumentos de deputados e senadores com diferentes visões sobre o resultado eleitoral, mas que manterá o protocolo previsto pela Constituição norte-americana de abrir e certificar as cédulas eleitorais dos estados.

*Com informações da Reuters

  • agenciaebc

Procon-SP alerta falsa Vacina contra covid-19 Disponivel para compra

SP com medidas mais restitivas diz centro de contingencia