in

Marcelo Crivella é Preso acusado de chefiar organização criminosa

O Governador do Rio de Janeiro Marcelo Crivella foi preso dia 22 após suspeitas de chefiar o “QG da Propina”  isso tudo ocorreu nove dias antes do mesmo deixar o cargo.

PUBLICIDADE

Atualmente, após o afastamento do prefeito do Rio quem assumiu o governo foi o atual presidente da câmara Jorge Felippe (DEM).

Uma coisa muito diferente ocorreu no final do seu governo de Marcelo Crivella pouco antes das eleições ele foi colocado em destaque aparecendo diversas acusações de fatos ocorridos no início de seu mandato lembrando que o mesmo já era investigado desde 2016 no entanto veio a tona agora e o deixaram descredibilizado.

PUBLICIDADE

No início ele disse que estava sendo incriminado por seus adversários e sofria de uma perseguição política.

Após as eleições houve a continuidade das investigações ao que então era apenas uma uma verificação de atos mas o que se deu foi 53 milhões de reais de propina.

Essa quantia significativa foi tirada por 26 pessoas ligadas ao próprio prefeito, inclusive Rafael Alves dado como operador que inclusive teve mandato para ele e mais 7 pessoas do bando.

PUBLICIDADE

Em meio a eleição Crivella falou diversas vezes que o Prefeito Eduardo Paes  também seria preso, mas isso ainda não ocorreu, lembrando que a denúncia tem mais de 400 páginas.

Lembrando que  Eduardo Paes pode ser investigado a qualquer momento. 

Os Advogados de Marcelo Crivella Falaram  que não tiveram acesso ao processo somente minutos antes do julgamento

PUBLICIDADE

Explosão na Maior fabrica de insumos de hidroxicloroquina

Comerciantes que não respeitarem decreto da fase vermelha serão multados em SP