in

Influenciadora digital é morta a tiros em emboscada logo após marcar encontro com falso cliente

Paulina Pererê de 26 anos era influenciadora digital e foi assassinada na última quarta-feira após marcar um encontro com um falso cliente.

PUBLICIDADE

O crime aconteceu na Cidade do México, o jornal informou que a mexicana morava com um amigo e ele acompanhou nesse encontro seria para comprar uns sapatos, ele também foi morto.

O homem havia sido identificado no Instagram mostrou interesse nas compras de sapatos e marcou um local para encontrar Paulina.

PUBLICIDADE

A influenciadora era namorada de um dos líderes do cartel mexicano uma organização criminosa envolvida em sequestro, extorsão, assassinatos e venda de drogas, esse líder do cartel foi assassinado em março deste ano.

Um homem se passou de entregador e quando ele atendeu fez diversos disparos contra ele, Pauline com mais de 100 mil seguidores sempre publicava viagens para diversos pontos ao redor do mundo como em Dubai e diversos outros lugares.
Segundo informações do Jornal do México algumas dessas despesas feitas pela influenciadora digital teria sido pago por cartões clonado.

PUBLICIDADE

Segundo informações Paulina seria a terceira namorada de integrantes do cartel a ser morta nos últimos dois anos, a polícia do México está investigando o caso eles acreditam que se trata de apagamento de arquivo porque ela sabia de tudo o que acontecia dentro da facção.

Como o namorado já havia sido morto no início do ano, decidiram apagar Paulina também, até o momento a polícia não tem nenhuma pista e nenhuma prova concreta sobre o crime.

 

Assassino do Tinder: Homem é condenado após cortar jovem em 14 pedaços; “com a ajuda da namorada atraíram a moça”

Rainha Elizabeth arranca risadas dos presentes em evento do G7 após usar espada para cortar bolo