in

“A família acabou” no dia em que o coração de pai, mãe e filho pararam de bater devido as complicações da covid-19

O coronavirus se alastrou pelo mundo se tornando uma pandemia milhões de pessoas morreram vítimas dessa doença, somente no Brasil foram quase meio milhão vítimas da covid-19.

PUBLICIDADE

Devido as consequências dessa doença a família Lorensseto Neder literalmente deixou de existir, em menos de 1 mês pai mãe e filho morreram vítimas da complicações da covid-19.

O coração de André Neder de 30 anos parou de bater na última terça-feira, no dia 19 ele havia feito o aniversário estava internado na unidade de terapia intensiva no hospital em São Paulo, ele estava internado tentou abrir os olhos mas não resistiu.

Parentes e amigos disseram que ele era uma pessoa muito alegre era brincalhão, Juliana prima de André estava confiante sempre dizia que tinha certeza que ele ia sair do hospital e assegurava que tudo ia ficar bem.

PUBLICIDADE

Quando soube da morte do primo foi pelo celular foi algo muito triste, a mãe Clarice Neder de 57 anos foi a primeira a contrair a doença, ela apresentou gripe febre foi internada mas houve agravo da doença e ela não resistiu.
O pai Ebraim Neder de 61 anos contraiu a doença após fazer uma visita no hospital e devido a piora gradativa precisou de auxílio de oxigênio, o pulmão estava tomado em mais de 50% e também não resistiu.

A família não sabia como reagir diante dessa situação, um partiu após o outro, a dor foi imensa todos se sentiram impotentes, é difícil dizer o que se sente nesse momento disse Juliana.

PUBLICIDADE

 

Motociata também em Santa Catarina: Motociclistas de Florianópolis se movimentam, já tem data programada e prometem show

Sargentos da PM no AC que assumiram TRISAL com administradora falam de relação; veja vídeo