in

Busca por Lázaro entra no 16º dia e Força-tarefa conta com imagens de satélite e drones com visão térmica

A força-tarefa para aprender Lázaro Barbosa já está no seu décimo sexto dia, estão cercando toda mata num perímetro que acreditam que ele está se escondendo, mas há muitas dificuldades pois a mata é densa.

PUBLICIDADE

Lázaro Barbosa é suspeito de 5 assassinatos e a equipe da força-tarefa está tendo ajuda de diversos meios como de helicóptero dos cães farejadores e também tem o auxílio de imagem satélite de drones para conseguir registrar a movimentação a 250 metros de distância.

Inclusive essas informações são passadas para a Força Tarefa à noite, mais de 270 policiais estão participando dessa operação concentrada em Girassol distrito de Cocalzinho de Goiás.

Os policiais decidiram usar drones após alguns moradores denunciarem que observaram algumas movimentações na área de mata próximo as suas residências.

PUBLICIDADE

Como o local possui muitas grutas cavernas e desfiladeiros, é muito difícil para chegar todos os locais ao mesmo tempo e por isso a polícia tem usado drones para conseguir capturar Lázaro Barbosa.
A polícia federal também instalou equipamentos que aumentam a frequência da rádio da equipe, eles conseguem comunicar na distância de 35 km, segue fazendo barreiras nas rodovias na região de Águas Lindas de Goiás e Cocalzinho.

Disponibilizou aplicativos para os moradores da região, para que possam fazer denúncia e assim a polícia consiga evitar trotes, a polícia possui diversos recursos para continuar na busca desse psicopata, além dos drones possui cavalos, cães farejadores e helicópteros.

PUBLICIDADE

 

Fuga de Lázaro mobiliza 300 soldados e aterroriza interior de Goiás; cada dia que passa é um dia a mais de medo

Nos EUA cliente come cachorro quente e deixa gorjeta de quase 80 mil reais em restaurante