in

Casal suspeito de espancar dois bebes quase até a morte é preso em Goiás: “É repugnante, situações como essa chocam qualquer um”

Em Goiânia um casal é preso suspeito da tentativa de homicídio contra dois filhos da mulher, o caso aconteceu em Cristalina próximo do Distrito Federal.

PUBLICIDADE

As crianças estão internadas na unidade de terapia intensiva do Hospital Base de Brasília, segundo informações do hospital uma delas está em estado gravíssimo.

A Polícia Civil de Goiás informou que o casal foi preso em flagrante a mulher mãe das crianças e o padrasto.

A mãe chegou a levar a criança de 1 ano e 11 meses a unidade de saúde do município da cidade alegando que ela havia se machucado após cair, mas as lesões segundo os médicos não coincidiam com uma simples queda, mas era possível notar agressões físicas.

PUBLICIDADE

A polícia foi acionada a mulher foi levada para delegacia e foi ouvida, o padrasto da criança também foi levado e ouvido na última quarta-feira (7), eles prestaram depoimento mas o advogado não quis se pronunciar sobre o caso.
De acordo com as autoridades a criança de 3 anos foi localizada pelo conselho tutelar e a própria criança chegou a falar das agressões da mãe e do seu companheiro, segundo os policiais a mãe e o padrasto das duas crianças promoveram uma tortura contra as crianças.

Havia diversos ferimentos lesões por todo corpo da criança, uma das crianças a de 1 ano e 11 meses foi tão torturada que ela quase chegou a óbito.

PUBLICIDADE

No momento do casal foi preso a polícia conseguiu verificar que o padrasto usava um chinelo que condizia com os ferimentos no corpo do bebê de 1 ano e 11 meses, o delegado responsável disse que causa repúdio lidar com situações de violência como essa, choca qualquer um.

 

Marcello Camargo, filho de Hebe Camargo, diz que a sua mãe estaria indignada com a situação do país

Ao se vacinar, comerciante chora e carrega fotos de mãe e irmãos que morreram de Covid: “família destruída”.