in

Mulher é agredida por sete pessoas e jogada em buraco de 3 metros: “Vítima ficou 12 horas no local até ser resgatada”

Mulher que foi encontrada em buraco de 3 metros em Londrina no Paraná disse aos policiais que foi espancada por sete pessoas, eram duas mulheres e cinco homens.

PUBLICIDADE

A delegacia de homicídios da região conversaram com a vítima quando ela estava no hospital se recuperando, João Batista Reis delegado responsável pela investigação disse que além da mulher ter sido agredida o grupo roubou r$ 50 e o celular.

A mulher contou que não tem como indicar as pessoas responsáveis pelo espancamento, a polícia está fazendo monitoramento para descobrir quem são os autores desse espancamento, uma denúncia anônima levou a polícia ao local onde a mulher estava, era uma construção abandonada.

A denunciante informou para a polícia que a mulher havia sido agredida e tinha sido deixada dentro de um buraco e que os agressores iriam voltar no dia seguinte para matá-la.

PUBLICIDADE

O buraco estava fechado com uma tampa de cimento e coberto com folhas e entulho para que ninguém percebesse o que estava embaixo, os guardas municipais atenderam a ocorrência foram ao local e encontraram a mulher.
Ela foi levada imediatamente para o hospital tinha ferimentos nas pernas, nos braços, nas mãos, no rosto, na cabeça, segundo os guardas havia apanhado muito as agressões foram graves, a mulher permanece internada e está muito debilitada, o quadro de saúde é considerado o regular, está consciente e respira bem.

Os suspeitos irão responder por crime de tortura o delegado disse que precisa esclarecer melhor os fatos e irão descobrir quem praticou esse ato bárbaro contra essa mulher, querem elucidar o caso o mais rápido possível.

PUBLICIDADE

 

Cantora famosa se assume lésbica e revela que é casada há nove anos

Hello Kitty: Gerente do tráfico de drogas é morta em confronto com a Polícia Militar durante operação