in

Criança de 5 anos ingere álcool em gel na escola e médicos deixam alerta aos pais

Com a pandemia do Covid-19 um dos itens mais usados passou a ser o álcool em gel, antes um pouco esquecido pela população agora é um item essencial em todos os ambientes que podemos imaginar e com a volta as aulas as crianças também começaram a ter um acesso amplo ao produto.

PUBLICIDADE

O álcool em gel está sendo exigido em grande parte dos locais e nas escolas está disponível para que as crianças tenham acesso livremente o que é bom mas também pode ser um grande problema já que não podemos esquecer que se trata de crianças.

Uma mãe precisou correr para a escola quando foi solicitada devido a sua filha estar andando estranho e acabar desmaiando, ao chegar com o marido levaram a menina para o hospital, mas não se sabia o que havia acontecido com ela.

A mãe contou que tudo aconteceu no intervalo das aulas e a ligação foi feita pelo diretor da escola, no hospital alguns testes foram feitos a menina estava bem, mas não respondia aos estímulos, abria os olhos, mas não parecia estar vendo algo.

PUBLICIDADE

Foi então que alguém da escola descobriu que a pequena de apenas 5 anos havia levado álcool gel para desinfetar as mãos e o seu frasco estava pela metade, ela ingeriu o produto em abundância e por isso estava passando mal.

O seu teor alcoólico no sangue estava de 0,23, mas logo conseguiu se recuperar e recebeu alta do hospital, os médicos disseram que agora a ingestão de álcool por crianças aumentou consideravelmente e que os pais precisam ensinar as crianças que não se deve sequer colocar a boca, pois em maior quantidade pode ser fatal.

PUBLICIDADE

 

Absurdo: Três jovens atraem moça, matam com requintes diabólicos para testar se eram psicopatas e como se comportariam após cometer assassinato

Após continuarem os ataques, pais decidem processar quem questionou a cor da pele de seu bebê