in

Tarado da bike: Polícia tenta descobrir quem é o homem que aproxima de ciclistas e apalpa as nádegas das mulheres

A Polícia Civil de Ariquemes Roraima está tentando descobrir quem é o motociclista que tem apalpado o corpo de mulheres ciclistas na região.

PUBLICIDADE

O suspeito é tratado como tarado da bike, os primeiros casos de importunação aconteceram cerca de 2 meses, algumas vítimas chegaram a publicar vídeos e procuraram a delegacia.

Imagens de câmeras segurança mostra o momento que a mulher estava pedalando na Avenida Hugo Frey quando o homem que estava em uma moto se aproxima e toca nas nádegas da mulher.

Após as denúncias o caso foi levado para a delegacia especializada de Atendimento à mulher, a polícia está investigando o caso e tenta identificar o suspeito da prática de abusos, a empresária Karen Eduarda disse que enquanto estava andando de bike, o motoqueiro se aproximou dela e tocou nas suas nádegas.

PUBLICIDADE

Após essa importunação que teve ela decidiu parar de andar de bicicleta pois ficou com muito medo, ficou se sentindo insegura e na verdade para poder andar de bicicleta é preciso estar acompanhado com muitos amigos.
Ela contou que nesses dias já aconteceram de novo, outra moça passou pela mesma situação ele passou a mão e não parou, perceberam que não é uma pessoa muito alta, é moreno e parece ter mais tranquilidade do que tinha antes.

Agora a todo momento anda desconfiada tem medo até de andar na rua e principalmente quando aparece alguma moto, pensa que vai acontecer de novo isso se tornou um grande trauma.

PUBLICIDADE

A delegada Rosa Maria responsável pela investigação disse que até o momento não é possível identificar o suspeito, mas a polícia está investigando e certamente em pouco tempo ele será preso, pede também que as vítimas entrem em contato com a delegacia que façam denúncia.

 

Jovem recebe bilhete para não andar de sutiã em sua casa: “somos evangélicos tenha decência”

“Galo do mal” aterroriza ataca fere e põem pra correr moradores e animais que transitam na região