in

Já sentindo as contrações mãe é presa e forçada a dar à luz na prisão, o bebê não resistiu

Erica Thompson estava gravida quando recebeu uma visita inesperada em casa que acabou mudando todo o rumo de sua vida, ela que mora na Flórida nos Estados Unidos foi presa de forma abrupta durante seu trabalho de parto e quando saia para pedir ajuda em um hospital.

PUBLICIDADE

A mulher contou que explicou aos policiais o que se passava e que estava com muita dor e contrações, não resistiu a prisão só pediu que eles a ajudasse a chegar no hospital antes de irem à delegacia.

A mãe foi ignorada e acabou sendo levada presa por estar com sua carteira de motorista suspensa e por mentir para a polícia, ao chegar na cadeia ela pediu a enfermeira que a ajudasse e a encaminhasse para o hospital já que estava com muitas contrações e muita dor, mas segundo ela apenas lhe foi dado um isotônico e a alegação era de que ela estava desidratada.

Ava Daniels nasceu na cela em que ela estava presa e era um bebê prematuro, após o nascimento às duas foram levadas para o hospital, mas a criança não resistiu, os advogados de Erica estão alegando que a criança poderia ter sido salva se ela tivesse nascido no hospital.

PUBLICIDADE

Segundo os advogados de defesa os policiais infringiram uma lei ignorando os pedidos da mãe de atendimento medico já que todas as gravidas tem direito a atendimento medico quando entram em trabalho de parto.

 

PUBLICIDADE

Menina, de 10 anos, morreu devido a covid-19 após ser “enfermeira” na escola e acompanhar colegas doentes até a enfermaria

Mulher com atitude heroica é espancada tem dentes quebrados por dois homens por defender idoso vítima de homofobia: “Não me arrependo”