in

Menina, de 10 anos, morreu devido a covid-19 após ser “enfermeira” na escola e acompanhar colegas doentes até a enfermaria

A alguns dias a mãe de uma garotinha de apenas 10 anos, veio a público se manifestar sobre a volta as aulas no distrito onde vive, isso, depois que sua filha pegou covid-19 e acabou falecendo devido à doença.

PUBLICIDADE

Teresa Sperry estava na escola e contou aos pais que seu papel na sala de aula era ser “enfermeira” muito orgulhosa disso ela disse ajudar as crianças que estavam doentes levando-as até a enfermaria.

Algum tempo após voltar as aulas a menina manifestou sintomas de Covid-19 o que começou com uma dor de cabeça evoluiu para tosse e vomito, os pais da foram com ela rapidamente para o hospital onde foram feitos exames que deram negativo para doença a princípio.

Ao voltar para casa a menina ficou em isolamento não saiu mais e não foi novamente para escola, mas em pouco tempo evoluiu e ela parou de respirar 24 horas após voltar para caso do hospital.

PUBLICIDADE

Os pais de Teresa já haviam sido vacinados e seus irmãos mais velhos também, a criança não tinha sido imunizada por não ter atingido a idade necessária, mas não tinha nenhuma comorbidade e não era “de risco”.

Após o caso a escola se reuniu para discutir o uso de máscara e os responsáveis disseram que não é comum, crianças levarem outras doentes o que acontece é a enfermeira da instituição ir até à sala de aula e fazer esse trabalho de leva-las até a enfermaria.

PUBLICIDADE

 

VIDEO: Criança de 8 anos com autismo sofre agressões de terapeuta

Já sentindo as contrações mãe é presa e forçada a dar à luz na prisão, o bebê não resistiu