in

“Ela se tornou uma pessoa mais dura, mais triste”, diz mãe sobre menina que foi abusada sexualmente

A infância é tempo para meninos e meninas brincarem desenvolverem as emoções aprenderem a compartilhar, é um universo de pureza de amizade, alegria livre de discórdia ameaças e abusos.

PUBLICIDADE

Mas muitas crianças passam por situações terríveis nas suas famílias, uma criança de 12 anos perdeu a infância ao ser abusada dentro da própria, o caso aconteceu em Agreste de Pernambuco quem praticou crime contra a adolescente foi o próprio cunhado marido da irmã.

A irmã da adolescente disse que ela dormiu na sua casa porque havia chovido, de madrugada ele foi alisar o corpo da garota, quando o crime foi descoberto foi um choque enorme para a família.

O pai da adolescente disse que não percebeu o abuso a filha mudou o comportamento, mas quando contou sobre o abuso para a mãe logo em seguida eles tomaram providências e procuraram a delegacia pois não podiam aceitar.

PUBLICIDADE

A primeira pessoa que a adolescente procurou foi uma amiga elas frequentavam a mesma igreja quem cometeu abuso também era da igreja, um diácono da igreja.
Os familiares ao descobrir tiveram dificuldade em lidar com essa situação, a adolescente ficou com medo retraída e muito nervosa não queria aproximar de ninguém, ela se tornou uma pessoa mais dura.

Segundo informações do conselho tutelar em 2018 foram quase 7 mil abusos contra criança e adolescente e o papel das autoridades do Conselho Tutelar e da polícia é garantir segurança proteção para crianças, por isso conta com o apoio de familiares de parentes de vizinhos para que denunciem.

PUBLICIDADE

 

Adolescente de 16 anos disse para a mãe que matou os próprios irmãos

Debaixo de gritos e multidão fanática, é sepultado corpo de pastor que havia dito que ressuscitaria 3 dias após sua morte; vídeo