in

Menina de 15 anos dá facada no padrasto que agredia sua mãe: “Foram sete facadas”

Sob várias formas e intensidades, a violência doméstica e familiar contra as mulheres tem sido recorrente e presente em todo lugar no mundo, motivando diversos crimes hediondos e violando de forma grave os direitos humanos.

PUBLICIDADE

Uma adolescente de 15 anos de idade deu sete facadas em seu padrasto, de 45 anos de idade, para defender sua mãe que sofria agressões praticadas pelo homem, em Crato.

O fato aconteceu na Rua José Valdivino da Cruz, que fica no distrito da Ponta da Serra por volta das 22h deste último sábado (6).

De acordo com algumas informações feitas no registro da ocorrência, a Polícia Militar foi acionada para se dirigir a uma casa, onde a mulher de 39 anos disse ter sido agredida por seu marido, Cicero Eliano de Morais.

PUBLICIDADE

Ela ainda informou à polícia que enquanto sofria as agressões, a filha, que é menor de idade, disferiu sete facadas no suspeito com o intuito de defender a mãe.Logo após esse acontecimento, o homem recebeu socorro e foi encaminhado ao hospital São Camilo ficando em escolta policial durante todo o período que ali permanecer.

O agressor terá de responder por violência doméstica, enquanto que a adolescente vai responder pelo ato infracional de lesão corporal de natureza grave.

PUBLICIDADE

No Brasil, de acordo com uma pesquisa, cerca de cinco mulheres são agredidas a cada 2 minutos; o parceiro (seja marido, namorado ou ex) é o responsável pelo crime em mais de 80% dos casos registrados, de acordo com a pesquisa Mulheres Brasileiras nos Espaços Público e Privado (FPA/Sesc, 2010).

 

“Ela foi assassinada” Luiz Bacci diz ter indícios de que morte de Marília Mendonça foi criminosa

Marca famosa cria Lingeries inspiradas nas princesas da Disney e faz sucesso entre as mulheres: “A da cinderela é um encanto”