in

Suspeito de estuprar e matar criança de 10 anos é encontrado morto na prisão

No dia 15 de outubro o corpo de uma criança de apenas 10 anos foi encontrado vitima de um crime bárbaro que abalou toda a cidade em que morava, o menino Wanderson Correia foi encontrado já em estado de decomposição em uma casa abandonada.

PUBLICIDADE

A polícia descobriu que a criança estava indo para a casa de uma irma quando o assassinato aconteceu, algumas câmeras filmaram a criança até minutos anos de sua morte na casa onde foi asfixiado.

O suspeito de ter matado o garoto é um homem de 40 anos que para polícia contou ter chamado a criança com a desculpa de que o pagaria para que ele ajudasse na limpeza da casa, Paulo então confessou ter matado o menino, mas disse não ter abusado da criança.

Um laudo foi emitido no dia 28 de outubro onde se constatou que o menino sofreu abuso sexual, hoje (10) Paulo César Gomes foi encontrado morto na cela em que estava preso, ele respondia por estupro e pela morte do menino que tinha apenas 10 anos, a morte de Paulo ainda está sendo investigada pela polícia.

PUBLICIDADE

No Brasil o crime contra criança e adolescente não costuma ser perdoado pelos presos que dividem as celas, quando os demais detentos descobrem o motivo da prisão como sendo estupro ou algo hediondo contra crianças sempre atentam contra a vida do acusado que raramente resiste a violência sofrida.

 

PUBLICIDADE

Músico morre a caminho de clínica para dependentes químicos e quatro pessoas são acusadas

Pai muda de casa sem o filho por não o amar mais