in

Pássaros corpulentos e extremamente agressivos que destroem habitat onde vivem chegaram em bandos ao Brasil

Uma nova praga, a qual possui uma grande capacidade de se espalhar por todo o território brasileiro, vem fazendo com que especialistas fiquem em estado de alerta, pois eles além de, serem predadores de diversos animais, acabam com lavouras e ainda transmitem doenças.

PUBLICIDADE

Mas não estamos falando de um novo inseto ou invertebrado, como naquele caso dos gafanhotos. O vilão da vez é um pássaro: o estorninho.

Eles adentraram no Brasil pela região Sul, e de lá se espalharam por cinco cidades gaúchas, e estão sendo acompanhados pela engenheira florestal Sílvia Ziller, a qual realiza investigações sobre sua disseminação.

Eles conseguiram entrar no Brasil por causa da fronteira “seca” que possuímos com o Uruguai. O pássaro está no Rio Grande do Sul e já é avistado em pequenos bandos, nas áreas rurais e até mesmo urbanas.

PUBLICIDADE

Os estorninhos são bastante conhecidos dos agricultores dos Estados Unidos, que até os dias de hoje travam uma luta para se livrar deles. Se juntam em grande número e evoluem sincronizada mente, como se formassem um corpo.”O estorninho se faz presente na lista das piores 100 espécies exóticas de característica invasora, criada há alguns anos pela IUCN (União Internacional para a Conservação da Natureza)”, disse a engenheira, que também é fundadora do Instituto Hórus de Desenvolvimento e Conservação Ambiental.

PUBLICIDADE

Esse instituto possui uma base de dados a qual contém informações sobre diversas espécies. É nessa base de dados que você pode encontrar informações mais detalhadas sobre a presença dessa espécie no território brasileiro.

https://www.youtube.com/watch?v=V4f_1_r80RY

É resgatado menino de 9 anos que era torturado pelo pai

Mistério resolvido; Médicos descobrem origem do surto da doença que provoca lesões na pele, em Pernambuco