in

Estado de São Paulo confirma novo caso de Ômicron em paciente que não viajou ao exterior

Foi confirmado pelo estado de São Paulo neste último sábado, o registro do quarto caso de infecção da variante ômicron do coronavírus, trata-se de um homem de 67 anos de idade e que não realizou nenhuma viagem ao exterior.

PUBLICIDADE

As vigilâncias sanitárias, tanto da capital quanto do Estado, realizam investigações a fim de rastrear todas as pessoas com quem este homem tem contato e fazer a verificação de que, se ele esteve perto de alguém nos últimos dias, que por sua vez fez alguma viagem.

Em decorrência disso, ainda está indeterminado, se uma transmissão comunitária aqui no país já existe, e que é aquela situação característica de quando o contágio já está tão propagado, que se torna impossível identificar a origem da infecção.

Informações de autoridades da área da saúde paulista, dão conta de que, o paciente teve diagnóstico da covid-19 confirmado em 7 de dezembro, por meio de um teste PCR. A amostra resultante deste exame passou por análise para que se identificasse qual das variantes foi a responsável pela doença, assim, detectou-se a Ômicron.

PUBLICIDADE

“Até o momento, existem quatro casos de Ômicron em SP, e isso mostra uma manifestação branda da covid-19, e que pode estar relacionado ao fato de que todos já tinham sido completamente imunizados”, informação passada pela secretaria de saúde de São Paulo.Além de os impor a uma quarentena, o Brasil também tem suspendido a entrada de pessoas que estiveram em seis países da África: A saber, África do Sul, Botsuana, Essuatíni, Lesoto, Namíbia e Zimbábue. A nova cepa foi primeiramente identificada na África do Sul.

 

PUBLICIDADE

Unidades de saúde e PAs na Grande Vitória ficam superlotadas de casos de gripes

Jovem grava o próprio acidente em que morreu no Pará