in

Mulher recusa vacina, morre de Covid-19 e deixa duas meninas órfãs

Uma mulher com hábitos saudáveis, acabou morrendo uma semana depois de realizar um teste de Covid-19, o qual resultou em positivo. Familiares e amigos relataram que ela optou por não tomar a vacina contra a Covid-19.

PUBLICIDADE

No início de dezembro, Nuria Daniela Gomes, descobriu que estava infectada com a doença, mas 7 dias depois da descoberta, ela acabou falecendo, deixando Erica de 20 anos e Myra de 17, suas filhas, abaladas.

Familiares e amigos de Nuria, afirmam que ela era uma mulher bastante saudável e que nunca saia de forma, além de ser adorável, divertida e carinhosa.

PUBLICIDADE

Mena Tando, de 37 anos, amiga de Nuria, disse que ela tinha lhe dito no início de dezembro que havia contraído a doença, mas que Mena não se preocupasse, pois iria sarar logo.

“Ela me falou: estou tossindo, cansada, mas fora isso me sinto bem. Eu deixava os produtos de que ela precisava, ou seja, suas compras na porta e sempre ligava para ela. No dia 7 de dezembro eu fiquei muito preocupada com uma tosse bastante persistente que ela estava tendo”, relata a amiga.Após perder uma chamada, Mena retornou a ligação, mas quem atendeu o telefone foi Myra, uma das filhas de Nuria. Ela lhe disse que sua mãe passou muito mal e foi levada para um hospital.

PUBLICIDADE

Quando era 2 horas da manhã, Mena recebeu a triste notícia de que sua amiga Nuria, havia falecido. “Aquilo foi um baque para mim, por que eu ligava para ela durante toda a semana e de repente receber um telefonema dizendo que ela morreu, é chocante”, disse Mena.

As filhas até conseguiram êxito em uma tentativa de reanimação até a chegada do socorro, porém Nuria infelizmente morreu no trajeto para o hospital.

 

Adolescente provoca explosão na própria casa após brigar com a mãe

Pai vai de ambulância a formatura de sua filha em SC: “Para cumprir minha promessa de valorizar a educação”