in

Cachorro que vendia doces para pagar cirurgia morre atropelado

Enquanto diversos motoristas irresponsáveis ​​fogem do local, depois de um atropelamento, uma mulher em Yucatan, no México, fez justamente o contrário. E, além de tentar socorrer a vítima de negligência de motoristas, ela está desencadeando uma onda de solidariedade em prol da memória de Rex.

PUBLICIDADE

Esse cachorro sem-teto acabou sendo atropelado e encontrou, em uma mulher muito generosa, o cuidado que não achou no responsável por seu atropelamento.

Silvia V. decidiu cuidar do cachorrinho depois que testemunhou o acidente. A mulher levou ele para um veterinário, que disse que Rex – nome dado a ele por ela– iria necessitar de uma cirurgia para que pudesse andar novamente.

PUBLICIDADE

Embora Silvia tenha mostrado possuir um coração gentil, o orçamento dela não iria ajudar, e devido a isso ela não iria conseguir pagar pela cirurgia. Mas ela não desistiu, e há um ano, criou uma campanha nas redes para arrecadação de dinheiro para ajudar Rex.

Ela então começou a vender algumas empanadas de cream cheese e donuts por $ 15,00 pesos mexicanos (equivalente a $ 0,75), para dar uma força para essa cirurgia.

PUBLICIDADE

Até mesmo o próprio Rex ajudou nesse objetivo. Com uma placa pendurada em seu pescoço, ele acompanhava Silvia, com o objetivo de fazer os clientes se apaixonarem por ele, e assim comprassem os produtos. Infelizmente, passadas algumas semanas de arrecadação de fundos para que a operação acontecesse, Rex não conseguiu resitir.

Rex estava com um forte quadro de desnutrição e desidratação que acabou complicando e muito a sua situação. E, mesmo ele, tendo recebido anteriormente, apoio depois de uma ida ao ortopedista, o cão precisou de ser internado no pronto-socorro, mas seu coração não aguentou.

A operação, que aconteceria nas pernas de Rex, foi avaliada na quantia de 500 pesos (US $ 24), e a mulher quase conseguiu juntar o montante. Mas depois da partida de Rex, Silvia decidiu que usaria o dinheiro para a cremar o cachorro e doará o resto para cães necessitados.

 

Idoso morre depois de cair em vulcão em área fechada no Havaí

Hospitais franceses estão superlotados devido a casos simultâneos de Covid, gripe e gastroenterite