in

Recém-nascido não resiste após ser mordido 23 vezes por cães da família

Um inquérito acabou de ser concluído, se trata de um bebê recém-nascido que foi mordido por 23 vezes pelo cachorro da família, os pais da criança tinha dois cães em casa e acabaram se descuidando deixando a criança sozinha com os animais.

PUBLICIDADE

O caso aconteceu em 2018  e a criança tinha apenas duas semanas de vida, a mãe do bebê dormia no sofá e seu pai havia saído para o lado de fora de casa no intuito de fumar, a tragédia aconteceu de madrugada.

Ao escutar o choro o pai da criança foi para o quarto e chegando lá viu o que estava acontecendo ligando imediatamente para a emergência, Reuben morreu após três semanas internado, teve lesão cerebral e gastrointestinal.

Apesar do acidente os assistentes sociais já haviam alertado os pais quanto ao risco de manter o bebê junto a dois cães de grande porte, foi recomendado que não deixassem a criança sozinha com os animais.

PUBLICIDADE

O pai contou que ao chegar no quarto viu o filho ferido e o cachorro Dotty lambendo os lábios, 23 mordidas individuais foram detectadas na criança, especialistas acreditam que o cachorro pode ter confundido o bebe com uma pequena presa ou até mesmo com um brinquedo estridente, os cachorros faziam parte da família a nove anos e foram sacrificados, os pais responderam processo porem foram absorvidos já que o pior castigo foi terem perdido o próprio filho.

 

PUBLICIDADE

Reboco do teto cai em cima de bebê de três meses

Jovem que ingeria 5 litros de energético em todos os fins de semana enfarta em SP