in

Escola causa polêmica ao oferecer cinta modeladora para meninas

Uma mãe se sente muito mal ao descobrir que a escola de sua filha está oferecendo a ela uma cinta modeladora corporal, segundo ela tem se esforçado bastante para que o problema corporal não, seja algo com que sua filha se sinta desconfortável.

PUBLICIDADE

A escola do Mississípi, EUA, revoltou muitos pais após mandar um comunicado em que salientava a importância da imagem corporal para alunas do 8° ano e nele eram oferecidas cintas e sutiãs modeladores para as jovens.

Segundo os pais, o comunicado dizia que a escola gostaria de mostrar as jovens como se manter com uma imagem corporal positiva, e que estavam oferecendo a elas roupas modeladoras, sutiãs e outras coisas, também haviam lugares para que marcarem o tamanho que usavam.

A mãe de Ashley Wells disse que as meninas já sofrem com a imagem corpora e que aquela carta mostra como isso é negativo, ainda oferecem soluções para um “problema”, ela ainda disse que ficou triste e chocada com isso.

PUBLICIDADE

Em um e-mail essa mãe disse que a escola está errada em oferecer uma cinta a sua filha de 13 anos e que ela não deixaria e não aprova o incentivo ao uso.

O diretor da escola alegou que recebeu doações e resolveu procurar por meninas interessadas a receber porem  concorda que a forma com que foram oferecidas foi errada e que a distribuição foi cancelada após muitos pais receberem de forma negativa.

PUBLICIDADE

 

Entenda como funcionará a vacinação de crianças contra a Covid-19

Secretaria da saúde confirma óbito de recém-nascido por Covid