in

Aos 56 anos, morre a pastora e cantora gospel Ludmila Ferber

Ludmila Ferber, pastora e cantora gospel, que tinha 56 anos de idade, morreu na noite dessa quarta-feira (26/1). Ela batalhava contra um câncer no pulmão, que tinha metástases no fígado e também nos ossos.

PUBLICIDADE

A pastora recebeu o diagnóstico da doença no ano de 2018. “Em tempos de guerra, nunca pare de lutar’. Hoje estou dando início a um momento completamente novo e surpreendente da história minha vida: que é o tratamento de quimioterapia“, disse ela nessa mesma época.

A cantora teria dado início ao quinto tratamento contra a doença, em um hospital da cidade de São Paulo na última semana. A última postagem que Ludmila fez em seu Instagram, aconteceu na última segunda, dia 24, ocasião essa em que ela fez uma citação de um trecho de uma de suas canções, a música, Buscar Tua Face é Preciso.

PUBLICIDADE

“‘Quando tudo parece estranho ao redor / Buscar tua face é preciso, Deus / Quando a gente não sabe o que está ocorrendo / Buscar tua face é preciso, Deus”, é o que diz o trecho da canção na legenda.

PUBLICIDADE

Ela que esteve casada desde o ano de 1987 até o ano de 2014 com José Antônio Lino, deixa três filhas: Daniela Ferber Lino, Ana Lídia Ferber Lino e Vanessa Ferber Lino.Ludmila Ferber fez parte do grupo Koinonya, com o qual ela gravou 8 discos. No ano de 1996, ela decidiu rumar para a carreira de cantora solo, e lançou o seu primeiro álbum, intitulado, Marcas.

Após o lançamento deste, outros 12 discos de estúdio foram sequentemente lançados, o último feito por ela, recebeu o nome, dado por ela mesma, de Um Novo Começo, o qual foi gravado no ano de 2020. Ela ainda possui nove álbuns que foram gravados ao vivo, e um disco de canções para crianças, denominado Meu Amigão do Peito.

 

Bebê goiano viralizou na web após realizar movimentos de Taekwondo

Esposa de militar mata marido e simula assalto em SP